Se você convive com esse incômodo que é a caspa, acredite, você não é o único que sofre com isso. A caspa atinge de 2 a 5% da população e, além de provocar coceira, também pode ser bem embaraçosa, deixando os fios com aspecto de sujos e com pontinhos brancos.

Na verdade, caspa é o nome informal que se dá à Dermatite Seborreica, uma doença que se caracteriza por lesões avermelhadas com descamação, que atinge, principalmente, o couro cabeludo, mas também as sobrancelhas, face e, com menos frequência, a região do peito, axilas e virilha.

Algumas das causas são: alisamentos, colorações em excesso, uso de produtos inadequados, variações hormonais, instabilidade emocional como ansiedade, estresse ou depressão e alimentação errada.

Para evitar: tome banho com água fria. Nada de lavar a cabeça com água quente, não fique com o cabelo úmido por muito tempo e use xampu específico para caspa três vezes por semana. Dependendo da gravidade, seu médico poderá associar xampus e loções com corticóides. Cuide-se.